quarta-feira, 24 de setembro de 2014

Como você mede seu pênis?


Não adianta dizer que tamanho não é documento porque isso está enraizado em nossa cultura e todo homem vai olhar para o seu querendo que fosse maior ou vai continuar fazendo piada com asiática pela fama dele ter o pênis pequeno. Com essa preocupação, muitos homens sentem vontade de saber o tamanho do que ele tem entre as pernas e, para matar a curiosidade, resolvem medi-lo.

Há quem acredite que é possível medi-lo pelos dedos. Inclusive, uma pesquisa feita na Coreia do Sul, em 2011, comprovou que a comparação entre o dedo anelar e o indicador favorece prever o tamanho do pênis ereto. Para a pesquisa, "quanto menor for a diferença entre o indicador e o anelar, maior deve ser o pênis, ou seja, os homens com o dedo indicador menor do que o anelar tendem a ter o pênis erecto mais longo" - já essa informação, pouca gente sabe e tenho certeza que muitos homens, ao lerem este texto, vão olhar imediatamente para seus dedos a fim de comprovar esta afirmativa. No entanto, este estudo foi realizado com o comprimento do pênis em repouso e esticado e, portanto, não permite traçar uma fórmula desta razão entre os dedos e o tamanho do pênis - principalmente deste em ereção. Além dos dedos, outros medem-no dobrando a mão e vendo até onde o dedo médio alcança, concluindo que o tamanho do preterido é daquele ponto até o final do dedo esticado. Isso seria uma lenda, não?

Também há muitos que medem seu órgão sexual pelo tamanho do pé, como reza a crença. Mas existem cientistas curiosos o suficiente e doidos para desmitificar o que andam dizendo por aí, então dois britânicos realizaram a pesquisa em 104 homens e não verificaram nenhuma relação entre as medidas. Em outras palavras, parem de olhar para seus pés porque não é assim que saberemos o tamanho do seu instrumento. Ah, e nem adianta olhar para o nariz ou para o gogó grande porque tudo soa como crença do povo e nada mais do que isso.

Falar dessas lendas não significa que não haja uma forma correta de medir o seu amiguinho, claro que há! Uma régua surgi então como uma possibilidade para este intuito. Assim, um leitor veio me contar que media errado e, certamente, muitos outros devem fazê-lo errado. Meu querido despudorado diz que "media de maneira errada porque antes media do início dos pelos e geralmente a gordurinha criada em torno do pênis faz com que ele pareça menor e esconde uma parte do pênis que não fica visível". Com isso, vamos descobrir qual a forma correta de saber quanto ele mede - lembrando que isso é o de menos, o essencial é a performance na hora do sexo.

Ao pesquisar pela internet, me deparei com o mesmo modo de medi-lo em todos os sites. Nestes, é dito que o pênis é medido do arco pubiano, ou seja, deve-se começá-lo por lá porque é onde começa a estrutura peniana. Quando a pessoa engorda, a gordura acumula onde ficam os pelos pubianos e isso deixa uma aparência de que o pênis é menor e é por isso que, independente de ser mais gordinho ou não, o modo de medir deve partir do mesmo lugar.

"Media meu penis por trás, dava um tamanho e, pela frente, dava outro. Só que nos sites falavam que era pela frente, mas não diziam que deviam apertar o início do pênis até sentir o osso púbico. Aí fiz isso hoje e deu uma crescida legal, ficou a mesma medida que é por trás, ou seja, a parte da frente ficava escondida pela gordura", complementou o querido leitor.

Após tantos dados e falatórios, todos os leitores devem estar pegando a régua para medir o tamanho dos seus mastros. Juro que ainda vou escrever um texto, tão sério quanto este, para falar sobre os tamanhos de pênis. E volto a assinalar que tamanho nunca foi documento, a não ser para a indústria pornô e seus fieis consumidores. Ah, e se quiserem mandar as medidas e dizer sua experiência e sentimento em relação a isso - sinta-se a vontade. Para as moças, também. Afinal, elas usam o instrumento e sabem muito bem se manifestara esse respeito. Lembrem-se sempre: aqui é Pudor Nenhum.



Fontes:
http://www.jn.pt/PaginaInicial/Sociedade/Interior.aspx?content_id=1898766
http://ultimosegundo.ig.com.br/ciencia/estudo+mostra+relacao+entre+dedos+da+mao+e+orgao+sexual+masculino/n1597058767291.html
http://noticias.terra.com.br/ciencia/interna/0,5153,OI55641-EI238,00.html
http://relacoes.umcomo.com.br/articulo/como-medir-o-penis-4583.html
https://lookformedical.com/search.php?q=Osso+Parietal&lang=3&src=faq


3 comentários:

Anônimo disse...

Media sempre meu pênis, desde a adolescência e as primeiras masturbações, mas deixei de medir depois que as experiências sexuais me mostraram que o tamanho não preocupava as mulheres - essa é uma preocupação maior dos homens. Mas, só para constar, o meu indicador é quase do mesmo tamanho do anelar. hahaha

Anônimo disse...

Cara Lu, vc diz que tamanho não é documento, elabore!! Vc ja experimentou diversos tamanhos? Qual a diferença de sensação que vc teve com os diversos tipos de pênis? Qual a sua preferencia.

Pergunto pq tive apenas dois parceiros com tamanhos de pênis semelhante, mas vc ja deve ter experimentado de tudo um pouco (inveja..rs)

Lu Rosário disse...

Já experimentei alguns maiores, outros menores, largos e finos. De tudo um pouco. E os que mais me deram prazer foram os largos/grossos. Independente de maior ou menor, vai da pessoa. Já transei com homem de pau grande, mas que não tinha aquela coisa na cama e, por isso, nem foi lá essas coisas. Na hora que penetra, tudo é muito bom...depende do cara. Os finos, que considero finos, não curti tanto porque eu não sentia direito. Gosto de sentir o pênis roçando nas paredes da minha genitália..acho mais gostoso..rs

Beijão, anônima (ou anônimo mesmo?)!

Copyright © 2014 | Design e C�digo: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo