sábado, 16 de junho de 2012

Sem passarinhas


Nem lhe bateu a passarinha
Sabia que, maior que suas asas,
eram os pés fincados no ninho da realidade


Lu Rosário




Esta publicação pertence à categoria Poesia. Todos os textos publicados em forma de versos se encontram aqui. Sinta-se à vontade para conhecer os outros textos concernentes à esta categoria.




10 comentários:

Ricardo Miñana disse...

bello pensamiento Lu.
con tu permiso te sigo.
un abrazo.

Cláudia Cavalcanti disse...

Retribuí a sua visita ao meu blog.

Um beijo,

Cláu ( Diva Latívia)

Felisberto Junior disse...

Olá!Boa noite!
sim..realidade..sem jamais perder a esperança e resgatar as fantasias , pois viver sem elas, é morrer um pouco à cada dia...
Obrigado pelo carinho da visita!
Bom domingo!
Beijos

Roberta Del Carlo disse...

oi Lu
obrigada pela visita
e pelo cometário.
Gostei do seu blog
as poesias explicam
bem os nosso sentimentos
e as angustias daquilo que deixamos
passar...

estou te seguindo
se quiser me seguir será bem vinda!bjs
http://rob-umarosaazul.blogspot.com.br/

Roberta Del Carlo disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Jaqueline Cristina disse...

Sonhar com os pés no chão é o melhor método para depois não cair de vez no chão da decepção!

Rebeca dos Anjos disse...

Perfeito.

Elisa Cunha disse...

"Se estou com os pés no chão, posso voar bem mais alto".. ouvi em alguma canção...

Anônimo disse...

Viver na realidade é importante, sonhar d+, tentar voar d+, acaba levando a não realizar nada.

Mas o gostoso da vida é as vezes nos deixar levar, apenas planar ao gosto do vento, da vida. Afinal como diria o sabio:

"Nem sempre a vida segue uma lógica
A ilogicidade também decide caminhos"

bjos lu, i.

Fabiano Silmes disse...

Sintético, lírico, Perfeito!! Lu parece que você está cada vez mais a vontade com os Haikais hein?


Beijos

Copyright © 2014 | Design e C�digo: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo