sábado, 27 de outubro de 2012

Azul


Deixa entrar esse assobio fino
de quem traduz quereres
Sabes o riso que seu suor resvala,
a sinuosidade que paruara esconde,
o desafio no azul de ter


Lu Rosário


Esta publicação pertence à categoria Poesia. Todos os textos publicados em forma de versos se encontram aqui. Sinta-se à vontade para conhecer os outros textos concernentes à esta categoria.

 

7 comentários:

Lázara papandrea disse...

que lindo menina! te indiquei lá no blog para o prêmio dardos, acho que é uma maneira de divulgação legal. depois você olha la. beijos

Lu Rosário disse...

Obrigada, Lázara! Vou olhar sim! :]

CORAÇÃO QUE PULSA disse...

Como não sou poeta....esse, tá difícil de falar.rsrsrs
Mas, amei.
Lú, tú já viveu isso tudo, que contas e escreves aqui?!
Me lembrei do livro, CINQUENTA TONS DE CINZA...rsrsrsrs

É um saber de palavras...encontros...fantasias...desejos.Escreves muito bem.
MERECES O PRÊMIO.
Beijos, fica com DEUS...sempre.

Fabiano Silmes disse...

Bem, na falta de palavras para descrever...que o meu silêncio escrito seja tudo aquilo que senti ao ler o seu poema.Beijos carioca!!!

Paulo Sotter disse...

Oi Lu, estou passando pra lhe dizer que indiquei seu blog para o Prêmio Dardos.

passe no meu blog TARRAFEANDO e pegue seu prêmio.

Um grande abraço.

Vivian Loreti disse...

Adorei a poesia e o blog!
Abraços.

Rafaela Gomes Figueiredo disse...

na setim de anil deslizam mil e um toques-voos-rasabtes demonstrados nesses assobios!

o/

ps: adorei a foto do perfil - algo meio tarsila...

Copyright © 2014 | Design e C�digo: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo